Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

“Temos que orar para que tome boas decisões”, diz Patrícia Abravanel sobre Bolsonaro

Compartilhe:
cropped-patricia-abravanel-em-gravacao-de-teaser-do-topa-ou-nao-topa

Patrícia Abravanel, evangélica, filha de Silvio Santos, tirou o chapéu para o presidente Bolsonaro durante sua participação no Programa Raul Gil e afirmou que a nação deve orar pelo governante.

A apresentadora do SBT afirmou que seu apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PSL) é uma expressão de patriotismo e de obediência à Palavra de Deus. “Primeiro, porque ele é o nosso presidente, e acho que toda autoridade é colocada no poder por Deus. A gente tem como brasileiro torcer para que ele dê certo. Eu não acho que nenhuma pessoa sai de casa pensando em fazer coisa errada. Ninguém acorda pensando ‘hoje vou tomar essa decisão, vai dar tudo errado, vou destruir a vida de 1 monte de gente’, ninguém acorda para isso”, declarou Patrícia, 41 anos.

 

“Como brasileiros temos que incentivar, que torcer, que orar para que ele tome boas decisões e seja brilhante nesse governo atual. Temos que estar torcendo por ele”, acrescentou.

Diante da reação de parte da plateia, que expressou insatisfação com suas declarações, Patrícia Abravanel explicou que o apoio ao presidente é uma manifestação em prol da República: “Estou vendo algumas pessoas assim, mas a gente tem sim que tirar o chapéu, e mais do que isso, pedir a Deus para que ele tome boas decisões, e a 1ª foi agora. A Previdência foi liberada, não é algo tão popular, mas para o Brasil vai ser bom, a gente depois vai ser grato por essas coisas que estão acontecendo”, comentou.

O apresentador Raul Gil endossou a declaração de Patrícia: “O seu pai sempre apoiou [os governos]”, disse ele.

“O SBT ele é muito pró-governo, independente do governante. A gente acredita que tem que estar ali apoiando”, acrescentou Patrícia Abravanel, segundo informações do portal Poder 360.

“Sempre. Ele [Silvio Santos] ensinou isso para a gente. Apoiou Lula, a Dilma ele apoiou, antes também, Temer ele apoiou. Então acho que a gente tem que estar perto dos nossos governantes para eles poderem sim tomar boas decisões. Que a gente influencie eles para coisas boas. Para que a gente acredite neles, e torça por cada um deles. Então eu, como meu pai, somos pró-governo, sempre. E se eles fizerem alguma coisa errada, claro que a gente pode puxar a orelha, mas temos que ser pró-governo”, finalizou a apresentadora e provável substituta de Silvio Santos no comando da emissora.

Em maio desse ano, Silvio Santos recebeu o presidente em seu programa, e durante a conversa, Bolsonaro falou sobre como olha para sua função: “Eu entendo como uma missão de Deus essa posição que eu ocupo no momento. Eu acho que o povo também [entende dessa forma]. Mais o povo do que eu, já que não gastei dinheiro em campanha, não convenci ninguém a votar em mim pelo poder econômico. E nem por uma pressão junto aos meios de comunicação”, resumiu.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook

Mural de Recados

Gelson Antonio Pinto
sábado, nov 24. 2018 11:55 AM
Cantor Gelson Antonio na escuta. A paz, pastor, irmão e amigo Ubirajara!
júnior
quinta-feira, jan 3. 2019 1:53 PM
Oi
Paula Graziela
segunda-feira, jun 17. 2019 7:58 PM
Boa noite povo de Deus
Jerri adriane
quinta-feira, ago 8. 2019 10:17 AM
Na escuta aqui no rio grande do sul, grande abraço.
Moacir
segunda-feira, ago 19. 2019 5:37 PM
Paz povo de Deus! estamos na escuta da programação aqui no trabalho na cidade de Chapecó SC

1 · 2 · 3 · 4
Deixe seu recado

Para deixar seu recado preencha os campos abaixo:

Para:  
E-mail não será publicado
(mas é usado para o avatar)